Sudoeste Paulista de Motocross – 2ª etapa – Águas de Santa Bárbara – SP

frente_site
2ª Etapa Campeonato Sudoeste Paulista de Motocross – 26 de Maio
10 de maio de 2016
noticia_site
3ª Etapa do Sudoeste Paulista de Motocross – 09 e 10 de Julho
28 de junho de 2016

Sudoeste Paulista de Motocross – 2ª etapa – Águas de Santa Bárbara – SP

1

Sudoeste Paulista de Motocross

2ª etapa - Águas de Santa Bárbara - SP

Aproveitando o recente feriado de Corpus Christi, o Campeonato Sudoeste Paulista de Motocross promoveu a segunda etapa de 2016 na última quinta-feira de maio, dia 26. O clima agradável contribui para levar muitos pilotos novamente ao CT MTM em Águas de Santa Bárbara (SP), mesma sede da prova de abertura da temporada no mês de abril. A pista local passou por modificações executadas pelo diretor da SMS Cross, Mauro César, que foram elogiadas pelos pilotos. As mudanças deixaram o circuito mais rápido e proporcionaram muitas disputas em todas as categorias. 2A MX Pró reuniu os principais pilotos do evento. E não faltou emoção. Daniel Caputo largou na frente e seguiu na liderança até a oitava volta quando foi superado por Alessandro Marfin. A disputa pela segunda posição, entre Caputo e Giovanny Camargo, ajudou o líder Marfin que, com a pista livre, abriu vantagem na frente. Quatro voltas depois, Giovanny conseguiu superar Caputo e começou a se aproximar do líder, mas o ponteiro manteve a concentração e venceu a bateria. Caputo terminou tranquilo na terceira posição, já Diogo Malheiros se alternou na corrida até se firmar na quarta colocação. Fábio Brito conquistou o quinto lugar na metade da prova ao ultrapassar Raul Faustino. 3Na MX Open os protagonistas foram os mesmos. Giovanny Camargo largou na frente com Daniel Caputo e Alessandro Marfin logo em seguida. Os três se mostrarm os mais rápidos na competição e as últimas voltas foram emocionantes. Caputo pressionou Giovanny mantendo um alucinante ritmo. Os dois abriram do terceiro colocado que não era incomodado por Diogo Malheiros que finalizou na quarta posição. Na última volta, Caputo usou todas as armas e na penúltima curva passou Camargo, mas logo em seguida levou o "X" do adversário que retornou ao primeiro lugar vencendo a prova. Patrick Jonge terminou a prova em quinto. 4A MX35 foi a primeira bateria a entrar na pista. O paranaense Fábio Brito conseguiu uma boa largada e assumiu a ponta da corrida para uma prova perfeita. Ainda no começo, Marcelo "Buri" Moraes assumiu a segunda posição, mas não conseguiu se aproximar do líder. Negociando melhor com os retardatários, Fábio Brito abriu vantagem e consolidou a vitória. Quem não teve vida fácil no final da prova foi o terceiro colocado Denner Alves que sofreu forte pressão de Adriano César. Recuperando posições após não conseguir fazer uma boa largada, César avançou até o quarto lugar e João Batista da Silva ficou com o quinto. 6Denner Alves voltou para a pista na categoria MX45 e desta vez venceu a prova. Agnaldo Oliveira terminou em segundo próximo do líder, mas sem condição de esboçar um ataque. Uma bela briga se formou para definir quem completaria o pódio. Elias Prado no começo assumiu a terceira posição, mas na metade final Aristeu Júnior ditou um ritmo forte e foi subindo de posições para garantir o terceiro lugar. No finalzinho da prova Elias ainda teve que lutar com Luiz Moura para terminar em quarto. 5Marcelo "Buri" Moraes fez sua parte na tentativa de vencer a categoria MXN1. Largou na frente, mas rapidamente foi surpreendido por Gabriel de Paula, que além de pular na frente abriu uma bela vantagem para faturar a bateria com folga. Jonatas Rojas sustentou a terceira posição desde a largada e com uma tocada constante escapou da disputa que se formou pela quarta colocação com Vinícius Ruiz levando a melhor. Largando no meio do pelotão, Joel Pires foi conquistando posições até se firmar no quinto posto. 7A prova da categoria Júnior também foi marcada por muita disputa. Felipe Araújo e Vinícius Bressian duelaram pela ponta no começo da corrida. O que ambos não contavam era com a bela recuperação de Leonardo Souza que se enroscou logo após a largada e foi buscando as posições até entrar na disputa pela liderança. Faltando três voltas para o final, Leonardo conquistou a ponta ao ultrapassar Vinícius. Felipe ficou em terceiro, Lucas Bentioglio em quarto e Guilherme Gaffo fechou na quinta colocação. 8Com várias ultrapassagens a MXN2 foi uma das provas mais interessantes do dia. Leonardo dos Santos largou bem e assumiu a ponta, porém caiu na quarta volta precisando fazer uma corrida de recuperação. Quem passou a liderar o pelotão foi José Oliveira, com Guilherme Pedroso logo em seguida. Os dois se alternavam no comando da prova até que Leonardo entrou novamente na briga pela liderança. Com um ritmo de prova mais forte não demorou muito para ele reassumir o primeiro lugar definitivamente. Guilherme Pedroso ficou em segundo e José Oliveira em terceiro. Erik Bonin não teve dificuldades para completar em quarto com Vinícius dos Reis em quinto. Raul Faustino foi o vencedor de duas categorias: MX2T e Intermediária. Na prova para motos dois tempos, Faustino largou bem e não deu chances para ninguém e viu de longe as alterações que teve na segunda posição. Quem assumiu a posição no começo da prova foi Guilherme Barbosa.  Depois na oitava volta foi a Victor Honorato que pulou para o segundo lugar. Na metade da prova, Leonardo Souza assumiu o terceiro posto, e foi para cima de Honorato tentar a segunda posição. Porém, Victor Honorato 9defendeu muito bem a posição e ficou a frente de Leonardo. Luiz Moura conquistou o quarto lugar com Alexandre Suaid bem próximo em quinto. Depois, na Intermediária, Raul Faustino abriu uma boa vantagem já no começo da prova o que lhe garantiu uma vitória com certa facilidade. Nas primeiras voltas três pilotos disputaram a segunda posição até que, na quinta volta, Paulo da Silva assumiu o posto. No último giro Victor Honorato conseguiu a terceira colocação deixando Luiz Guilherme Porto em quarto. Junior César da Silva ficou em quinto. 1110As primeiras posições da categoria Extra foram definidas logo após o gate cair com Thiago Rinaldi vencendo a prova de ponta a ponta seguido por Thomas Barbosa. A variação de pilotos veio na terceira posição. Rafael da Costa começou a prova em vantagem, mas durante perdeu o posto para José Henrique que sustentou a posição até a última volta quando foi superado por Aldimar "Mão". Desta forma José Henrique ficou em quarto e Rafael em quinto. Com um bom ritmo de prova, Renan Ferreira venceu de ponta a ponta a categoria 65cc enquanto Lucas Silva ficou com a segunda posição. Diogo Damazio, em quarto, e Lucas Santos, em quinto, completaram o pódio. Lucas Silva dominou a categoria 50cc com Mateus Bicudo em segundo. Bastante concentrado, Felipe Moraes terminou em terceiro. Kaian Brito e César Santos completaram o pódio. Entre as garotas, Rafaela Bertin venceu a MXF com Maria Eduarda em segundo. 12A próxima etapa da competição está programada para o mês de junho em data que ainda será definida. O Campeonato Sudoeste Paulista de Motocross tem a organização da SMS Cross e  supervisão da FMESP (Federação de Motociclismo do Estado de São Paulo). A segunda etapa contou com apoio da Prefeitura Municipal e patrocínio de Valor Tecnologia de ativos, Moura Motos, MRP Racing, Marcinho Motos, Sem Limites Vistorias Veicular, Derriçamaq, Vanzela Motos, MX Point e Pastel Brasil.
  • PASTEL
  • marcinho motos
  • sem limites
  • COUTO MOTOS
  • MOURA
  • valor
  • rocadeiras
  • mxpoint
  • vazela
  • dimenluz-logo-led

1 Comentário

  1. Julio diez disse:

    Quero saber mais sobre o circuito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *